Instituto Terra Viva
Acesso ao Webmail
Instituto Terra Viva


Instituto Terra Viva


Maceió - AL, Domingo, 21 de janeiro de 2018.   

Visite-nos no Facebook Instituto Terra Viva (Notícias)
Notícias
21/12/2017

Fossas Agroecológicas e seus benefícios

Municípios rurais são contemplados com melhorias de qualidade de vida pelo projeto

O projeto da Fossa Agroecológica está presente em 3 municípios: Arapiraca, Lagoa da Canoa e Coité do Nóia, fazendo a diferença na vida dos moradores rurais que vivem por ali. Sabemos que muitas vezes o saneamento básico em comunidades urbanas é inexistente, avalie agora nas comunidades rurais. A decência de uma política pública tão primária fez com que o Instituto Terra Viva lançasse um projeto de medidas simples e com um índice de reaproveitamento altíssimo, beneficiando meio ambiente e agricultor.

A fossa é bem simples, um buraco de 1,5mx2m que supre a necessidade de uma família de 5 pessoas, canos para ligar até a fossa, pneus velhos, metralha e areia. Materiais facilmente encontrados na propriedade e que sirvam de reuso.

O benefício é ainda maior, o produtor ganha em qualidade de vida e ainda obtém frutos da fossa, é que para o reaproveito da água da fossa são plantadas algumas frutas em cima, como banana e abóbora. As raízes sugam a água não contaminada para poder se desenvolver. É uma vitória 2 em 1.

Ainda é difícil vencer o preconceito dos agricultores que acham que as frutas estarão contaminadas pelos dejetos, mas é certificado que a fossa com tantas camadas consegue conter as partículas contaminadas, subindo só a força de viver das árvores.

É aconselhável ainda que não se plantem raízes muito profundas para evitar o risco de destruição do invento, bem como a colocação de telas cercando todo o lugar para evitar que animais transpassem para a área da fossa.

Assim as Fossas Agroecológicas se tornam projetos bem gratificantes e de benefício imediato para a população que tanto precisa. O Instituto TerraViva luta para que mais comunidades sejam beneficiadas com o invento.

 

 

Por Camilla Bibiano (Estagiária)

Imprimir Imprimir Compartilhar Compartilhar

Instituto Terra Viva
©2018 - Instituto Terra Viva - Todos os Direitos Reservados
R. Comendador Calaça, 1209 - POÇO
MACEIÓ - AL 57.025-640